Livro The Mesh

Livro The Mesh

Acabei de ler o livro “The Mesh: Por que o futuro dos Negócios é Compartilhar“, e gostaria de compartilhar alguns pontos interessantes que me chamaram atenção neste livro escrito por Lisa Gansky.

A idéia principal do livro é que há um novo modelo de negócios (the Mesh) baseado em compartilhamento (ao invés de posse) de produtos e serviços através de redes de relacionamentos. O livro nos leva a repensar se realmente precisamos possuir as coisas e quais as vantagens de uma nova perspectiva de compartilhamento.

A premissa básica é que quando informações sobre bens são compartilhadas, o valor desses bens aumenta, para o negócio, para o indivíduos e para a comunidade. Ganha-Ganha.

O foco é em compartilhar, por isso, envolve algo que possa ser compartilhado, com uma comunidade, mercado ou cadeia de valor, incluindo produtos serviços e materias. A internet é utilizada para agregar e facilitar a utilização do produto e distribuição da informação. Ofertas, notícias e recomendações são transmitidas largamente através das mídias sociais.

Diversos negócios já estão sólidos em torno desse novo modelo, exploraremos alguns deles ao longo do artigo.

ThredUP:  Roupas não crescem, mas crianças sim

Crianças, em constante estado de crescimento, precisam trocar  seus guarda-roupas inteiros em intervalos muito curtos de tempo. Este serviço on-line permite os pais façam escambos roupas e brinquedos de suas crianças. Saiba mais em http://www.thredup.com

thredup.com - Funcionamento

thredup.com - Funcionamento

Kickstarter: Uma nova forma de financiar e acompanhar a criatividade

O Kickstarter é uma plataforma de levantamento de fundos, também conhecida como crowdfunding que conecta artistas com pessoas afim de financiarem seus trabalhos, pessoas como eu e você. Centenas de projetos já foram se tornaram realidade com arrecadações de mais milhares e milhares de dólares. O site exibe o perfil de diversos projetos com informações sobre os artistas e como você pode ajudar o projeto. Saiba mais em http://www.kickstarter.com

Há uma iniciativa semelhante ao Kickstarter no Brasil chamada Catarse. Você pode ajudar iniciativas brasileiras de filmes, quadrinhos, teatro, jornalismo e música a se tornarem realidade.

Para saber mais sobre como funcionam os serviços de crowdfunding, ouça o episódio 12 do Empreendecast com participação dos fundadores do Catarse.

Groupon: Compras Coletivas

Groupon foi o primeiro serviço de compras coletivas a ganhar popularidade e oferecer descontos a milhões de inscritos. Dezesseis meses depois do lançamento, o serviço já havia levantando mais de cento e setenta bilhões de dólares em investimentos.

Segundo o agregador de compras coletivas save.me, a compra coletiva é um modelo de e-commerce que promove grandes descontos em vários estabelecimentos quando um número mínimo de pessoas demonstra interesse de compra. Se este número mínimo for atingido no prazo estipulado pelo site, a oferta é ativada e você recebe seu cupom virtual. Basta imprimi-lo, levá-lo ao estabelecimento e utilizar a oferta.

Apesar de o Groupon também ser um grande player nas compras coletivas no Brasil, há iniciativas tomando espaço no mercado como é o caso do Peixe Urbano, Groupalia, Bananarama e muitos outros.

Se quiser saber mais sobre compras coletivas, ouça a esta entrevista do Empreendecast com o fundador do Peixe Urbano Júlio Vasconcellos.

Netflix: Um novo modelo de aluguel de filmes

A Netflix é uma empresa norte-americana que transformou o mercado de aluguel de filmes nos Estados Unidos através de um serviço online que entrega via correio. A empresa foi criada em 1997. O cliente pede um filme pela internet, recebe os filmes em casa em até 1 dia e pode ficar o tempo que quiser, mas para pedir outros filmes tem que devolver o anterior. Também há a possibilidade de assistir aos filmes através da Internet, com o sistema de ‘Streaming’, disponibilizado para parte do acervo da companhia, segundo a Wikipedia, hoje, a empresa com aproximadamente 17 mil títulos online.

A Netflix já anunciou sua vinda para o Brasil, mas atualmente a Blockbuster já oferece um semelhante.

Zipcar: Compartilhamento de Carros – Alugar de Carros Barato e Fácil

Com o serviço Zipcar, alugar um carro pode ser melhor do que ter um. Segundo blog Wherever You Go, para conseguir utilizar a frota da Zipcar, tudo que você precisa fazer é um cadastro para retirar um cartão magnético. Os automóveis ficam estacionados em diversos pontos da cidade. Para que o usuário retire-o e comece a utilizá-lo, ele entra em contato com a empresa por meio do telefone ou internet, liberando, assim, o carro para o cartão do respectivo cliente.

Para cada liberação, o usuário tem direito a cerca de 280 quilômetros por dia. A quilometragem adicional pode ser comprada. Além disso, o cliente não precisa se preocupar com dinheiro para combustível, que já está incluso no preço da diária. Todos os carros da empresa contam com seguro, garantindo tranquilidade para quem aluga carros da Zipcar. Saiba mais em http://www.zipcar.com

Veja esta reportagem em português sobre o serviço:

Apesar de  serviço Zipcar ainda não estar disponível no Brasil, há um serviço semelhante chamado Zazcar, vale a pena conferir.

Veja essa reportagem o programa Auto+ sobre a Zazcar.

HackerSpaces: Compartilhamento de Espaço de Trabalho

Hackerspaces são locais físicos com toda infra-estrutura (telefone, internet, energia elétrica, etc) necessária para que desenvolvedores possam trabalhar em seus projetos. As despesas são compartilhadas entre todos.

É um espécie de coworking. Segundo a Wikpedia, quem trabalha em casa e quem viaja muito a trabalho sofre de um mal comum: o isolamento. Coworking é união de um grupo de pessoas que continuam trabalhando independentes umas das outras, mas compartilham valores e buscam a sinergia que acontece quando pessoas talentosas dividem o mesmo espaço, gerando um fluxo de troca de idéias e experiências.

Para saber mais sobre coworking, assista ao episódia #16 do MitA, com a participação de Fernanda Nudelman Trugilho, fundadora da Pto de Contato, um serviço de Coworking Brasileiro.

Vale a pena conhecer também o mundial, também presente em São Paulo, The Hub. É um espaço projetado para catalisar que as pessoas criem a mudança que querem ver no mundo. Oferecem espaços e servem para que as pessoas com ideias inovadoras possam acessar recursos, realizar conexões, produzir e compartilhar conhecimento.

 

Airbnb: Compartilhe sua Casa

O Airbnb, serviço que conheci recentemente através de Vincius Teles, é uma plataforma para que as pessoas encontrar ou anunciar locais para hospedagem. Há opções para todos os gostos, seja um quarto, ou até mesmo um casa inteira, seja para passar uma noite até mesmo um mês. O airbnb já está presente em 190 países. É um serviço muito interessante para quem gosta de viajar e procurar acomodações com qualidade  e bom preço.

O serviço oferece um sistema de avaliações para garantir que os serviços sejam prestados de acordo com as características anunciadas, e também que os hospedes tenham um bom comportamento para serem aceitos futuramente.

Veja a propaganda oficial legendada em português para entender melhor como Airbnb funciona:

Outro serviço semelhante, também ganhando popularidade é Roomorama (em inglês).

Crushpad: Faça seu Vinho – Compartilhando Hobbies e Expertise

Crushpad é uma vinícola com tudo que há de mais moderno na arte se fazer vinho. Você escolhe seu nível de envolvimento e eles fazem o resto. Compre vinho. Faça Vinho. Financie o desenvolvimento.

Na Crushpad, os clientes fazem o próprio vinho, decidem que uvas usar, o tempo de fermentação e até o design do rótulo, afirma a blogueira Patrícia  Monteiro Gorni. Saiba mais em http://www.crushpadwine.com/

Prosper: Conectando Pessoas

O serviço prosper.com conecta pessoas que querem investir dinheiro com pessoas querem pegar dinheiro emprestado. Saiba mais em http://www.prosper.com.

De forma semelhante, o serviço ReDesignMe, conecta designers com a empresas que precisam deles.

Compreendendo os Negócios Mesh

Agora que apresentamos alguns negócios que utilizam este modelo, exploraremos alguns características deles.

  1. Oferecem serviços ou plataformas que permitem e encorajam o compartilhamento.
  2. Alavancagem  ativos físicos como plataformas de compartilhamento.
  3. Engajamento de Parceiros através do compartilhamento mútuo de recursos e informações.
  4. Integração da cadeia de suprimentos em ambos as direções.
  5. Constroem um eco-sistema em torno do negócio.

Confiança

Em se falando em compartilhar ativos, um dos aspectos essenciais para possibilitar a viabilidade é a confiança de ambas as partes. Por isso Lisa Gansky apresenta 7 chaves para se conquistar (e merecer) a confiança dos clientes.

  1. Diga o que você faz
  2. Use Trials
  3. Faça o que você diz
  4. Perpetue clientes satisfeitos
  5. Abrace as redes sociais e vá fundo nelas
  6. Valorize a transparência, mas proteja a privacidade
  7. Lide com publicidade e feedback negativo prontamente e habilidosamente.

Vá mais fundo

A autora do livro criou um site chamado Meshing.it, um catálogo digital frequentemente atualizado com novos produtos, serviços e iniciativas de negócios Mesh. Fique Ligado!

Espero que você tenha gostado do artigo. Por favor deixe um comentário com seu feedback.

Fique ligado nos próximos artigos, aproveite para me seguir no twitter e no facebook e assine o Feed/RSS do blog.

Conteúdo Relacionado

Share This